Ergonomia

Análise Ergonômica dos Postos de Trabalho NR 17

Serão realizadas para avaliar a adaptação das condições de trabalho às características psicofisiológicas dos trabalhadores e subsidiar a implementação das medidas e adequações necessárias conforme previsto na NR-17, incluindo as seguintes etapas:

  • Análise da demanda : caracteriza-se como ponto de partida do estudo do posto de trabalho, permite delimitar o (s) problemas (s) a serem abordados em uma análise ergonômica;
  • Análise da tarefa: compreende não só as condições técnicas de trabalho, mais também as condições ambientais e organizacionais de trabalho. É o trabalho prescrito;
  • Análise da atividade: trata-se da mobilização das funções fisiológicas e psicológica do indivíduo em um determinado momento conjunto de ações de trabalho que caracteriza os modos operativos;
  • Diagnóstico: É uma síntese da análise ergonômica, baseia-se diretamente nas hipóteses formuladas evidencia as diversas síndromes que caracterizam as patologias ergonômicas da situação de trabalho.
  • Recomendações: Sugestões de melhoria dos postos analisados visando aumento do rendimento e satisfação do empregado.